O que é Inbound Marketing e como usá-lo?

capa_inbound

Atrair a pessoa certa e convertê-la em um cliente. O Inbound Marketing pode ser traduzido para o português como Marketing de Atração, e o motivo é o objetivo principal dessa técnica. Uma estratégia inventada recentemente que serve como um ímã para magnetizar o público certo, aumentando as chances de conversão e vendas.

Confira este artigo e descubra o que é Inbound Marketing e como essa técnica contribui para o sucesso de suas estratégias de Marketing Digital. Entenda como funcionam as etapas e veja também dicas para aplicar o Inbound Marketing em sua empresa. Se você também já ouviu falar em Outbound Marketing, entenda melhor quais são as principais diferenças entre as duas modalidades. Boa leitura!

Descubra o que é inbound marketing

No início dos anos 2000, Brian Halligan e Dharmesh Shah perceberam um grande poder que estava surgindo com o desenvolvimento do Customer Relationship Management - CRM. plataformas de CRM. A dupla observou que a jornada de compras estava mudando drasticamente e que muitas empresas estavam fracassando porque não sabiam como abordar o público. Assim, nasceu o Marketing de Atração, ou Inbound Marketing.

Inbound Marketing é o conjunto de estratégias de marketing que serve para dar visibilidade à marca, atraindo o público-alvo por meio de conteúdo relevante. O nome Marketing de Atração é usado justamente porque, em vez das antigas ações de marketing, por meio das quais as empresas iam até o cliente geralmente de forma invasiva, o usuário com o perfil certo é atraído para a empresa.

Com isso, inicia-se o processo de otimização do funil de vendas. O conceito é justamente a separação da jornada do cliente por estágios, nesse caso alinhados com os níveis do Inbound Marketing.

Confira os estágios do Inbound Marketing

Podemos ver que o Inbound Marketing foi desenvolvido para otimizar a experiência do consumidor. Como esse é um processo gradual, no Marketing de Atração falamos de porcentagem.

Em outras palavras: muitos usuários visualizam uma chamada nas mídias sociais, mas apenas uma parte desses usuários clica nessa chamada e é direcionada para uma página de destino com um formulário. Somente uma parte dos que chegam ao formulário o preenche. Esse ciclo continua até que a compra seja fechada.

Atração

O ponto de partida e o que diferencia o Inbound Marketing das estratégias anteriores é o seguinte. Para que a máquina do funil de vendas funcione, você precisa ter leads, ou compradores em potencial. No entanto, em vez de comprar listas de contatos (o que é ilegal e vai contra a Lei Geral de Privacidade de Dados - LGPD), é preciso ter leads. LGPD), enviar mala direta ou mesmo recorrer à velha estratégia de bater de porta em porta, o Inbound Marketing tem uma lógica diferente e consiste em atrair o público com o perfil da empresa.

Como fazer isso? Produzindo conteúdo que seja relevante para as necessidades dos clientes, o que os leva a fazer a compra.

Conversão

A próxima etapa é transformar esse usuário que está interessado em seus produtos em um lead. Para isso, são oferecidos materiais valiosos, como e-books, infográficos e white papers. A pessoa só poderá fazer o download do material se informar dados como nome, e-mail ou WhatsApp contato. Pronto, a partir daí você tem uma lista com leads que demonstraram interesse em seu negócio.

Relacionamento

Agora, tudo o que você precisa fazer é nutrir seu público com informações mais relevantes. Há uma lógica em que os conteúdos são mais abrangentes e se tornam cada vez mais alinhados com seu produto. Dessa forma, chega um momento em que é possível fazer a oferta ideal para o cliente ideal.

Vendas

Aqui, entram em ação as estratégias de vendas conhecidas, apresentando uma oferta irresistível e fechando o negócio. Além disso, caso o lead não faça a compra, ele é enviado para um estágio anterior, fortalecendo o relacionamento e nutrindo-o com informações relevantes para tentar uma venda algum tempo depois.

Encantamento

Depois que a compra é feita, o Inbound Marketing ainda se preocupa com a última etapa, que é garantir o sucesso do cliente. Nesse momento, o objetivo é entender se o produto serviu e garantir o nível de satisfação. A partir daí, é possível trabalhar com recompras, depoimentos e indicações.

Descubra a diferença entre Inbound Marketing e Outbound Marketing

Apesar de ter surgido depois do Inbound Marketing, podemos dizer que o Outbound Marketing é uma releitura das estratégias do marketing conservador, ou seja, é um pouco mais agressivo e invasivo do que o marketing de atração.

Essa também é uma técnica digital, mas que se baseia em anúncios e tem técnicas como as de anúncios que "seguem" os usuários depois que eles visitam o site da empresa. Além disso, o outbound marketing também engloba várias ações de marketing tradicionais, como anúncios em outdoors e na TV, que são investimentos mais caros e não atingem o público de forma específica.

Veja como o marketing de atração ajuda sua empresa

Agora que já falamos sobre o que é e o que não é o Inbound Marketing, é hora de apresentar os benefícios que essa estratégia oferece para sua empresa. Confira os principais motivos para usar essa estratégia.

  • ajuda no posicionamento e aumenta a visibilidade da marca;
  • destaca sua empresa para o público com maior potencial de compra;
  • não utiliza práticas invasivas, evitando uma imagem negativa;
  • fornece conteúdo relevante ao público, agregando valor às suas soluções;
  • tem KPIs (indicadores-chave de desempenho) que são fáceis de monitorar, melhorando o acompanhamento das métricas;
  • otimiza o ciclo de vendas, tornando-o mais curto, mais eficiente e mais fácil de acompanhar, para promover a melhoria contínua do processo.

Conhecer as estratégias de marketing para aplicar o inbound marketing

O inbound marketing é uma oportunidade de impulsionar os resultados de sua empresa, além de melhorar o posicionamento da marca. Confira os principais passos para implementar essa estratégia!

Definir quem é a persona

Uma persona é um personagem semi-fictício baseado em dados de sua empresa. A ideia é reunir informações sobre seu público-alvo, como faixa etária, localização geográfica e classe social, associadas a valores emocionais, que contribuam para as diretrizes de comunicação e conteúdo.

Estabelecer os objetivos de marketing

Em seguida, é importante entender qual é a principal meta que você deseja alcançar. Pode ser aumentar:

  • a visibilidade da marca;
  • o tráfego para seu site;
  • o número de leads;
  • as vendas;
  • satisfação do cliente.

Lembre-se de que é essencial que seus objetivos sejam expressos em metas S.M.A.R.T. (específicas, mensuráveis, atribuíveis, realistas e com prazo determinado).

Criar um calendário para a produção de conteúdo

Para facilitar o processo de produção e publicação de conteúdo, é importante desenvolver um calendário editorial. Nele, você define quais tipos, formatos e tamanhos de conteúdo desenvolverá e como o divulgará. É comum usar as redes sociais e o boletim informativo para mostrar as novidades ao público.

Garantir a presença digital nas mídias sociais

Dependendo do seu segmento de mercado e das principais mídias que sua persona usa, você precisa estabelecer quais mídias sua empresa usará. Lembre-se de que os perfis comerciais, como o WhatsApp Business são sempre os recomendados.

Integrar marketing e vendas com uma ferramenta de CRM

Outro ponto muito importante é a integração entre marketing e vendas para o sucesso do inbound marketing. Como o marketing se torna responsável por atrair e educar os prospects, fica mais claro quando o lead está qualificado para a compra, direcionando-o para vendas. Com ferramentas poderosas de CRM, como o tuvis para Salesforceesse processo é simplificado e pode ocorrer em tempo real.

Gostou de saber mais sobre a estratégia de inbound marketing? Como você viu neste artigo, o marketing de atração é muito importante nos dias de hoje, pois a persona já conhece o produto e está buscando outras qualidades para se decidir, como alinhamento de princípios e valores ou até mesmo um relacionamento com a marca. Vale ressaltar que a integração entre marketing e vendas é muito importante, e o CRM é a plataforma ideal para auxiliar nesse processo.

Além deste, temos muito conteúdo aqui no Blog da tuvis e queremos compartilhá-lo com você! Leia mais aqui.

Tendências em Tuvis

Impacto da Política Nacional de cibersegurança para a proteção de dados

Como o WhatsApp se integra nas estratégias da empresa?

Por que o WhatsApp é a melhor opção para as empresas?

Mantenha-se atualizado

Inscreva-se para receber atualizações sobre nossos últimos lançamentos de recursos e atualizações.

Impacto da Política Nacional de cibersegurança para a proteção de dados

Como o WhatsApp se integra nas estratégias da empresa?

Por que o WhatsApp é a melhor opção para as empresas?

Role até o topo